quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Andei em baixo, com dores de estômago. Fiz a endoscopia e afinal não tinha nada. Menos mal. Mas a verdade é que continuo em baixo, as dores de estômago passaram, o médico disse que devem ser nervos. Talvez sejam. Ando sempre em stress, com o coração nas mãos, acordo a meio da noite a pensar no trabalho, levanto-me da cama porque já não consigo dormir, tenho palpitações, batimento acelerado... esforço-me por fazer um bom trabalho, stresso e desgasto-me à conta disso e não há qualquer retribuição, ou reconhecimento. Sinto-me  estagnada, parece que não evoluí quase nada nos anos que tenho passado no sítio onde trabalho. Ganho pouco (mal comum a muita gente) e não tenho perspectivas de qualquer promoção.Bolas, eu estudei, fiz uma licenciatura num curso que muita gente se esfolou para entrar,  saí com uma média invejável... e voilá, 5 anos depois e estou aqui, no mesmo sítio. Mas sob a ameaça negra que paira no ar: despedimento. A falta de trabalho é  notória. Não fazer nada e inventar trabalho onde não há é mais desgastante que trabalhar no duro!

Estou insatisfeita com muita coisa e tenho-me vingado na comida, mais precisamente no pão. Ontem já não houve vontade nem paciência para ir à natação, exercício tem sido zero. Preciso recomeçar, com força e mudar a minha vida, mudar qualquer coisa...
Até ao nível sentimental a minha vida está uma seca, uma monotonia, falta de interesse, sei lá! Parece que não há clic, nem chama, entre outras coisas!
Não sei se é uma pseudo depressão ou melancolia por causa do frio do inverno. Não sei, mas não augura nada de bom.

E tenho sempre fome, muitaaa fome! Pior que tudo era começar a engordar!

10 comentários:

  1. Acredita, voltar a engordar era depressão certa! Tens um percurso invejável, já te visito há muito e eu própria sinto uma ponta de inveja, lol. Quanto ao resto, conheço muito bem essa sensação...ás vezes ando assim mas depois passa. Tento focar-me em algo que me dê prazer, nem que seja a imaginar o que possa mudar na minha vida para ficar melhor. Enquanto ando distraída com isso vou esquecendo o que sinto e acaba por passar. De qualquer maneira vou amadurecendo a ideia de mudar, sobretudo a nivel profissional, sinto necessidade de evoluir e sei que tenho capacidade para isso.
    Em relação ao alisamento, onde vou fazer custa entre 50 e 80 euros dependendo do comprimento do cabelo, mas há mais caro, pergunta em vários cabeleireiros (o 1º que fiz foram 200!!!). Eu gosto muito de fazer, quando tenho o cabelo bonito sinto-me muito bem :)

    ResponderEliminar
  2. Entendo, oh se te entendo...
    A fase que o país atravessa não nos ajuda psicologicamente, a nossa vida acaba por ser afectada e consequentemente as relações também...
    Força por aí...

    ResponderEliminar
  3. hellooo estas fixe ??? onde andas? da noticias

    ResponderEliminar
  4. Então? Nada de ficar assim desanimada!
    O que sentes faz parte de uma fase assim pó negativa, mas tu és capaz de a mudar.
    Já te sigo há quase 2 anos e vejo em ti um exemplo de determinação e sucesso.
    Adoro ler-te e constantemente venho ver se tens novidades.
    O teu "problema" de estômago pode ser mesmo derivado dos nervos que tens "dentro de ti". Eu já estive assim!
    Tens que tentar acalmar-te e pensar sempre positivo. Distrai-te com alguma coisa e tal como a Mllissa disse: foca-te no que te dá prazer!
    Tu és capaz e tu sabes disso.
    Vá lá miúda, anima-te, trata de ti e acima de tudo, sê feliz!... e já agora, dá notícias mais vezes... é que desta vez tava a ficar preocupada!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Amiga, não se deixe abater! Tb já fiquei sem emprego e sei q é mto ruim, mas continue firme na sua dieta, nos seus objetivos! Tdo há de melhorar!
    Beijos da Taís.

    ResponderEliminar
  6. Cheguei aqui por acaso, através de uma procura de imagens no google e qual não foi o meu espanto quando vi as suas MARAVILHOSAS fotos, que transformação!!!
    PARABENS! Estou a tentar fazer o mesmo espero conseguir lá chegar!
    Um beijinho e obrigada pela partilha que já me deu uma lufada de esperança!

    ResponderEliminar
  7. então? deixaste de escrever? não nos faças isto!

    FORÇA!

    ResponderEliminar
  8. Não deixes de escrever... Eu venho a acompanhar o percurso e o teu blog... Muitos parabéns!! Mas não deixes de escrever...

    Vanessa

    ResponderEliminar
  9. volta! fazes falta!

    teresa

    ResponderEliminar
  10. Electra... onde andas?? está tudo bem??

    ResponderEliminar

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails